Empreendedorismo é a solução a longo prazo para gerar riqueza - Caarapó Online

Caarapó - MS, terça-feira, 20 de agosto de 2019


Empreendedorismo é a solução a longo prazo para gerar riqueza

Empreendedorismo é a única solução a longo prazo para gerar riqueza e combater desigualdade. "Quando um empreendedor mentaliza um propósito e decide ir em busca de seu sonho, não há ambiente regulatório que o segure, não há crise que o impeça: ele vai lá e faz acontecer"

Publicado em: 24/12/2018 às 07h05

Gaucha ZH

Por Eduardo Baltar, CEO na Merithu e mentor na Endeavor

Estamos encerrando mais um grande ano. Agora, é momento de festejar as conquistas, celebrar a vida com nossas famílias, refletir sobre o que podemos fazer de diferente e definir as nossas metas para 2019!

Eu fiz a minha reflexão e um dos meus compromissos será dobrar minha atuação voluntária ao empreendedorismo gaúcho, seja por meio das mentorias da Endeavor, seja apoiando como conselheiro na Federação das Empresas Juniores do Rio Grande do Sul (Fejers). Por quê? Porque eu acredito que o empreendedorismo é a única solução sustentável a longo prazo para ajudar nossa sociedade a gerar riqueza e combater a desigualdade social.


Meus 20 anos de experiência, atuando lado a lado com empreendedores de diversos setores neste Brasil, foram suficientes para entender que são eles os verdadeiros protagonistas da construção de um país.

Quando um empreendedor mentaliza um propósito e decide ir em busca de seu sonho, não há ambiente regulatório que o segure, não há crise que o impeça: ele vai lá e faz acontecer. E se essa turma já consegue fazer acontecer com todos esses entraves, imagine o impacto dos resultados para a economia e sociedade se puder contar com a nossa ajuda.

Na Endeavor, nós, mentores, doamos nosso tempo e colocamos toda nossa experiência à disposição com o objetivo de multiplicar o poder de transformação dos empreendedores participantes dos diversos programas de aceleração. Só nos últimos três anos, a Endeavor acelerou mais de 600 scale-ups (negócios que apresentam alto crescimento e modelo de negócios escalável e inovador).

Em 2018, as empresas que fizeram parte do programa aumentaram, em um ano, crescimento médio individual de 106% em faturamento e de 33% em número de funcionários, gerando mais de 3 mil postos de trabalho.

A propósito, as inscrições para a edição 2019 do scale-up estão abertas! Só entrar no site para obter mais informações: bit.ly/scaleuprs. E reforço, nosso país, e, principalmente, o Rio Grande do Sul, precisa de mais gente querendo fazer acontecer. Precisamos semear a cultura empreendedora e ajudar o ecossistema empreendedor a prosperar. Do meu jeito e usando os meus recursos disponíveis, vou fazer a minha parte. E você, como pode ajudar?