VAI VIAJAR DE FÉRIAS? Não esqueça os medicamentos (ARTIGO) - Caarapó Online

Caarapó - MS, sábado, 20 de julho de 2019


VAI VIAJAR DE FÉRIAS? Não esqueça os medicamentos (ARTIGO)

VAI VIAJAR? Não esqueça os medicamentos de emergência e uso comum, até chegar a um profissional.

Publicado em: 24/06/2019 às 14h11

SILVANA BAENA

Estamos nos aproximando da temporada de férias escolares e também de férias com a família. Dentre os preparativos para a viagem, é uma boa ideia levar medicamentos que possam eventualmente ser utilizados, caso seja necessário, durante o passeio por todos os membros da família.




Exceto os remédios que possuem tarja preta, que são aqueles que o usuário está sob controlada observação pelo médico ou clínica, há aqueles que podemos tomar sem, grande dificuldade de receituário, e que podem ser comprados livremente.




Não queremos neste artigo, subestimar a necessidade de um médico especialista ou mesmo clínico geral, a ideia é sugerir alguns fármacos que possam amenizar dores ou sintomas desagradáveis, e surgindo a melhora ir em busca de um profissional de saúde com a qualificação e conhecimento profundo das implicações de ingestão de remédios
As recomendações que julgamos suficientes para desconforto físico durante as férias seriam os seguintes:




1. Evite comidas apimentadas ou recheadas com temperos extremamente fortes, ou picante, que não fazem parte da sua dieta normal;

 

2. Se for para um lugar frio, no caso da região sul do Brasil, leve agasalhos, mantas e cachecol, que protege a garganta do frio extremo e da umidade, não deixando que ocorram corizas e rinites;


3. Se for para a região Nordeste do Brasil, leve protetor solar, mesmo aqueles com fator de proteção solar 30, protegem o suficiente para não ser atingido pelos raios ultravioletas A e B;


4. Tome sempre água mineral, que na hora da compra a tampa deve estar lacrada, com o vasilhame, sabemos que alguns locais a higiene está abaixo do mínimo e a contaminação por bactérias e similares são fáceis de acontecer e assim, surgir um intoxicação intestinal; esclarecendo que no momento de escolher uma garrafinha de água mineral, opte pela que tiver maior pH, pois o pH é um fator importante no equilíbrio químico do sangue;


5. Muito cuidado com batidas em portas e painéis de vidros temperado (bancos, lanchonetes e sorveterias) extremamente limpas (alta transparência), que podem ocasionar acidentes indesejáveis, e vir a estragar seu passeio;


6. se for andar em ônibus de turismo, aqueles que mostram pontos turísticos principais da cidade (em Campo Grande (MS) tem desses), não fique muito na beirada, ou com os braços para fora, pois sendo um veículo que trafega na cidade está sujeito a árvores e a caminhões de mesma altura, cuidado.

 

Acima listamos alguns cuidados de ordem física, e os medicamentos citados no início devem ser medicamentos para:


a) Analgésicos para dores em geral e também com indicação para febres, de causas diversas;





b) Remédio para dores de ouvido e faringites devido a ingestão de gelados;





c) Um expectorante com ou sem bronco-dilatador e/ou um antitussígeno, para resfriados ou inalação de fumaça e/ou contaminantes;

 



d) Remédios para estômago, com desconforto para ingestão alimentar;




e) Para azia e má-digestão, é bom ter sempre a mão um anti-ácido;





f) Para queimaduras e cortes simples leve fita adesiva curativa, mertiolate e cremes;





g) Por ser uma época muito seca é bom também ter um creme hidratante e umectante para a pele e demais partes do corpo;





h) Pessoas com sintomas, de doença específica devem levar os remédios sugeridos pelo médico, pois corre-se o risco de não encontra aquela marca ou mesmo qual a quantidade de sal (em mg) prescrito;





i) Para quem exagera na bebida bom levar algum medicamento que amenize a degradação alcoólica no fígado;





j) Creme para queimaduras diversas em especial creme na forma de protetor solar;





k) Em caso de diarreias, seria interessante ter junto aos demais medicamentos, um repósito da flora intestinal.



Lembramos mais uma vez, estas são apenas indicações, com sintomas persistentes de maior gravidade procure um médico. Esperamos ter colaborado com sua viagem de merecidas férias, não esqueça de se precaver quanto á nécessaire da saúde, aproveite, curta e volte com saúde que levou com você. Boa Viagem e ótimo passeio.


(*) Farmacêutica e Bioquímica profissional, exercendo sua atividade laboral efetiva, na cidade de Caarapó(MS).