Ataques repetidos apenas fortalecem Sérgio Moro junto ao Presidente - Caarapó Online

Caarapó - MS, terça-feira, 20 de agosto de 2019


Ataques repetidos apenas fortalecem Sérgio Moro junto ao Presidente

Presidente já fez questão de jamais aceitará ser "pautado pela imprensa" nas suas atividades políticas e administrativas

Publicado em: 06/07/2019 às 09h30

Cláudio Humberto

Podem tirar os escorpiões da chuva: Jair Bolsonaro não demite para conter pancadaria da imprensa. Ao contrário: quanto mais o ministro é atacado, maior a solidariedade do chefe, como se vê no caso de Sérgio Moro (Ministro da Justiça), já convidado a acompanhá-lo ao Maracanã lotado, domingo (08.07), na final da Copa América. Bolsonaro tem dito aos mais íntimos que jamais aceitará ser “pautado pela imprensa”. Além do mais, soldados de infantaria não deixam seus camaradas para trás.

Há ministros que não saíram do governo porque o presidente não aceita “ser pautado” ou pela decisão de protegê-lo dos inimigos.

Marcelo Álvaro Antônio se deu bem com o estilo do chefe, para quem, “jogado às feras”, o ministro do Turismo seria cassado na Câmara.

Onyx Lorenzoni já deveria saído da Casa Civil, mas a notícia vazou e o presidente, que gosta do ministro e detesta ser pautado, abortou tudo.

Outro ministro na corda bamba, cuja demissão vazou e por isso ele foi mantido, é o “roda presa” Gustavo Canuto (Ministério do Desenvolvimento Regional).